Entenda como os 5 fatores abaixo podem influenciar nas suas vendas:
 
01. 34% DOS CONSUMIDORES NÃO TEM CONTROLE DOS GANHOS E GASTOS

A Boa Vista SCPC realizou uma pesquisa inédita com aproximadamente 1.200 consumidores de todo o Brasil e constatou que 34% dos entrevistados não controlam o quanto ganham e gastam no mês — um berço esplêndido para a inadimplência. Afinal, quem não sabe quanto tem não consegue saber quanto pode gastar!

02. RECUPERAÇÃO DE CRÉDITO CAIU 2,3% NO ACUMULADO DE 12 MESES

O indicador de recuperação de crédito – obtido a partir da quantidade de exclusões dos registros de inadimplentes da base da Boa Vista SCPC – apontou queda de 2,3% na variação acumulada em 12 meses (setembro de 2016 até agosto de 2017). No acumulado no ano houve queda de 1,9%; e na análise interanual (mesmo mês de 2016) a queda foi de 5,2%. Este dado indica que as pessoas que se endividaram não estão conseguindo pagar o que devem e recuperar o direito ao crédito.

03. INADIMPLÊNCIA DO CONSUMIDOR CAIU 2,5% ATÉ OUTUBRO

O número de consumidores endividados caiu 2,5% considerando os valores acumulados no ano até outubro (frente ao mesmo período do ano anterior). Na análise acumulada em 12 meses (novembro de 2016 até outubro de 2017 frente aos 12 meses antecedentes) houve retração 4,0%.

As adversidades ocorridas na economia ao longo dos últimos dois anos geraram grande cautela nas famílias, inibindo o consumo e consequentemente contribuindo para a diminuição do fluxo de inadimplência.

04. DEMANDA POR CRÉDITO DO CONSUMIDOR SUBIU 5,2%

A demanda por crédito do consumidor subiu 5,2% em agosto (expurgados os efeitos sazonais), de acordo com dados nacionais da Boa Vista SCPC.

Na avaliação interanual, agosto apresentou elevação de 1,9%, enquanto nos valores acumulados em 12 meses (setembro de 2016 até agosto de 2017 frente aos 12 meses antecedentes) houve desaceleração da queda, atingindo -5,1%.

Com a retomada da atividade econômica, a propensão ao consumo também inicia um movimento de recuperação, colaborando para um aumento da demanda por crédito por parte dos consumidores. E com as recentes melhorias nas perspectivas de juros e inflação, espera-se para os próximos meses retomada mais consistente do indicador.

05. 70 DIAS É O TEMPO MÉDIO PARA QUITAÇÃO DA DÍVIDA APÓS O REGISTRO DA INADIMPLÊNCIA

Os consumidores brasileiros levam 70 dias, em média, para quitar as suas dívidas vencidas e não pagas, após serem incluídos na base de inadimplentes da Boa Vista SCPC.

Este prazo não varia muito quando se comparam os setores financeiro (bancos, financeiras e cartões de crédito) e não financeiro (varejo, empresas de telecomunicação, serviços e prestadoras de serviços públicos).

Os consumidores que ficam inadimplentes com as empresas do setor financeiro ficam mais dias com a restrição (72 dias), enquanto os inadimplentes com empresas do setor não financeiro permanecem no cadastro por 63 dias, na média.

O prazo de pagamento das dívidas em aberto vem recuando nos últimos anos, acompanhando o movimento de queda nos indicadores de inadimplência e de maior cautela do consumidor. E o prazo médio que era de 83 dias em 2011 e 2012, anos em que a inadimplência apresentou tendência de alta, recuou em 2013 para 74 dias, e para 70 dias em 2014.



Nós trouxemos alguns dados econômicos atuais e dos hábitos dos consumidores brasileiros para deixar claro o quanto é importante contar com a ajuda do SCPC para que você possa aumentar as vendas sem se preocupar com inadimplência.

A atual conjuntura da economia brasileira é mais um fator que enfatiza a importância de contar com o suporte do SCPC — em especial com a chegada do Natal e das festas de fim de ano. O consumidor brasileiro, gradativamente, está voltando a consumir como fazia há três anos, mas não com a mesma segurança financeira de antes.

TUDO O QUE VOCÊ PRECISA SABER PARA VENDER MAIS E COM SEGURANÇA

Produto da Boa Vista Serviços comercializado também pela Associação Comercial de São Paulo, o SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito) oferece, entre outros serviços, planos de análise e verificação de crédito de pessoas físicas e jurídicas.

O principal objetivo do SCPC é garantir ao empreendedor que ele venda e conceda crédito aos clientes (Pessoa Física ou Pessoa Jurídica) com segurança, evitando a inadimplência.

Os planos “Família Acerta” (Acerta, Acerta Essencial e Acerta Completo) são feitos sob medida para o pequenos e médios empreendedores e vem acompanhado do atendimento exclusivo da Associação Comercial de São Paulo.

Produto focado na verificação de crédito de pessoas físicas e jurídicas, a “Família Acerta” torna as vendas mais ágeis e seguras. A análise de risco de crédito recomenda se o negócio deve ou não ser concluído, o que reduz as chances de vender para consumidores com probabilidade de se tornarem inadimplentes, além de sugerir o valor mais adequado de crédito para cada cliente.

 

Quer encontrar o parceiro certo?

Conheça nossa comunidade de empreendedores e descubra como podemos ajudar você

 


 

A Associação Comercial de São Paulo é uma instituição sem fins lucrativos que há mais de 100 anos se propõe a apoiar e promover as iniciativas empresariais e o empreendedorismo.

Trabalhamos em prol de empresas e empresários que almejam manter competitividade e sustentabilidade em um ambiente de negócios realizador que promove e engaja mudanças positivas. 

Nós atuamos em benefício de nossos associados em intermediações comerciais com parceiros para oferecer produtos, serviços e soluções com melhores condições e custos menores.

Amplie suas chances de crescer fazendo parte de nossa comunidade.
COM A ACSP VOCÊ CHEGA MAIS LONGE. Faça Parte!

 

Por ACSP