ACSP
ACSP

São Paulo, 6 de abril de 2018. A Associação Comercial de São Paulo (ACSP) realizou hoje no Pátio do Colégio, centro da capital paulista, a 20ª edição da Feira da Saúde, evento anual que oferece atendimento médico gratuito à população. Até as 15h30 - horário da última aferição - haviam sido feitos 11.200 atendimentos como exame oftalmológico, medição de pressão arterial, testes de glicemia e hepatite C, avaliação física, teste de diabetes, massagem e vacinação contra HPV.

"Nosso objetivo é servir e orientar naquilo que é mais importante na vida de qualquer pessoa: a saúde", resumiu Gaetano Brancati Luigi, criador e organizador da Feira da Saúde.

Para João Bico, vice-presidente da ACSP, o evento é uma importante contribuição da entidade para a capital. "É uma mostra de como o empresariado pode fazer sua parte para manter a cidade e a sociedade em pé".

O secretário-adjunto da Justiça e da Defesa da Cidadania, Luiz Souto Madureira, participou da abertura da Feira. Lembrou que já transcorreram duas décadas de realização do evento, que tem sido um apoio significativo na prestação de serviço aos munícipes. "A saúde é um dever do Estado, mas deixa muito a desejar. Parabenizo a todos que participam da organização", afirmou.

O vereador Gilberto Natalini também esteve presente. Ele parabenizou a médica Albertina Duarte Takiuti, coordenadora de Políticas para a Mulher da Secretaria da Justiça, por disponibilizar vacinas de HPV. E complementou: "A Feira é muito importante. Precisamos de mais recursos e mais gestão para a saúde. O SUS não está dando conta do recado para atender a população. Aí, a Feira ganha mais importância".

Histórias

Márcia Gomes, 37 anos, foi ao centro da capital nesta sexta-feira para conhecer a Feira da Saúde. Ela foi informada pelo namorado, que compartilhou a notícia no dia anterior via WhatsApp. Sem perder tempo, foi uma das primeiras a chegar, acompanhada da filha Milene, de 7 anos. Juntas, fizeram um tour por quase todas as tendas. "O atendimento foi ótimo. Aproveitei para ver coisas da minha saúde e da minha filha. Voltarei e trarei mais pessoas comigo".

Marilene Alves, 64, passou pelo local após sair de um atendimento na Defensoria Pública do Estado, que próxima ao Pátio do Colégio. Ela disse que está "com a saúde em dia" e, por isso, aproveitou para visitar a barraca da OAB Lapa para receber atendimento jurídico gratuito, um dos serviços oferecidos pela Feira da Saúde.

Ação social

Uma das novidades da edição deste ano foi a participação do projeto Amor em Mechas, cujo objetivo é reunir doações de cabelo para a confecção de perucas para mulheres que estão fazendo quimioterapia, preferencialmente na rede pública de saúde. As perucas são enviadas para todo o Brasil, sem nenhum tipo de custo às pacientes.

A missão do projeto comoveu as estudantes Elidiane Lima, Larissa Rodrigues e Claudia Oliveira. Cada uma doou uma mecha de 15 centímetros para o projeto. As mechas serão separadas por cor e tipo de cabelo, juntadas a outras e, posteriormente, transforadas em perucas. "Como mulheres, nos sensibilizamos com as pacientes que passam por isso. E cabelo cresce de volta", disse uma das estudantes.

A 20ª Feira da Saúde foi realizada em parceria com: Associação Magnólia; Associação Parceira Assistencial da Saúde (APAS); Associação Pró-Falcêmicos (Aprofe); Belfort Segurança; Centro de Referência em Segurança Alimentar e Nutricional Sustentável (CRSANS); Companhia de Engenharia de Tráfego (CET); Conselho da Mulher Empresária da ACSP; Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo; Faculdade Santa Marcelina; Grafite Comunicação; Governo de São Paulo; Grafite Comunicação, INACI/FINACI; Instituto CEMA; Instituto de Olho na Saúde de Orientação e Prevenção ao Câncer; Instituto Olhar; Lapacor; Lions Clube; Rotary Club; OAB-SP Subseção Lapa; Pátio do Colégio; Prefeitura de São Paulo; Sebrae; secretarias estaduais de Justiça e da Defesa da Cidadania, da Saúde e de Desenvolvimento Social; Coordenadorias Estaduais de Políticas sobre Drogas e Políticas para a Mulher; Conselho Estadual de Políticas sobre Drogas; Sescon-SP; Sarau Paulistano; Universidade Anhembi Morumbi; Universidade Cruzeiro do Sul; Universidade Municipal de São Caetano do Sul (USCS); Y's Men International; laboratórios Merck e MSD; Amor Exigente; Al-Anon; Nar-Anon; Narcóticos Anônimos; Alcoólicos Anônimos; Centro de Formação e Estudos Terapêuticos da Família (CEFATEF); Recomeço Família.

 

Mais informações:
Renato Santana de Jesus
Assessoria de Imprensa
rjesus@acsp.com.br
(11) 3180-3220 / plantão (11) 97497-0287 

Sobre a ACSPA Associação Comercial de São Paulo (ACSP), em seus 123 anos de história, é considerada a voz do empreendedor paulistano. A instituição atua diretamente na defesa da livre iniciativa e, ao longo de sua trajetória, esteve sempre ao lado da pequena e média empresa e dos profissionais liberais, contribuindo para o desenvolvimento do comércio, da indústria e da prestação de serviços. Além do seu prédio central, a ACSP dispõe de 15 Sedes Distritais, que mantêm os associados informados sobre assuntos do seu interesse, promovem palestras e buscam soluções para os problemas de cada região.

 

Por Renato Santana de Jesus