ACSP
ACSP

São Paulo, 13 de junho de 2018. “O aumento muito pequeno de 0,6% no varejo restrito, no contraste anual, é explicado pela base forte de comparação, já que a Páscoa do ano passado foi em abril e impulsionou as vendas dos supermercados no mês em questão”. É o que afirma Alencar Burti, presidente da Associação Comercial de São Paulo (ACSP) e da Federação das Associações Comerciais do Estado de São Paulo (Facesp), em relação ao desempenho do comércio brasileiro em abril, divulgado hoje pelo IBGE.

Para ele, “há grande expectativa em relação ao resultado de maio, que deve apontar perdas no setor supermercadista em função da paralisação dos caminhoneiros”.

Burti ressalta o crescimento de 10,3% das farmácias e perfumarias, “que foi uma grande surpresa pois ocorreu mesmo diante do reajuste anual dos remédios, de 2,75%”. Outro ramo de destaque foi o de móveis e eletrodomésticos (5,6%), beneficiado pela queda dos juros e pelo alongamento dos prazos para pagamento.

Na contramão, ele aponta a forte queda de 7,3% do segmento de tecidos, vestuário e calçados. “Não se sabe bem o que levou a esse recuo repentino. De qualquer forma, é um sinal de alerta para que o governo se reúna com o setor para entender a situação”, sugere o presidente da ACSP.

No varejo ampliado, Burti chama a atenção para a disparada de veículos, motos, partes e peças (36,5%). “Na comparação interanual, é a maior alta de todos os ramos analisados, o que aponta para uma recuperação. Mas está 31,6% abaixo do nível recorde de vendas em 2012”.

 

Mais informações:
Patrícia Gomes Baptista
Assessoria de Imprensa
pgbaptista@acsp.com.br
(11) 3180-3225 / plantão (11) 97497-0287 

 

Sobre a ACSP: A Associação Comercial de São Paulo (ACSP), em seus 123 anos de história, é considerada a voz do empreendedor paulistano. A instituição atua diretamente na defesa da livre iniciativa e, ao longo de sua trajetória, esteve sempre ao lado da pequena e média empresa e dos profissionais liberais, contribuindo para o desenvolvimento do comércio, da indústria e da prestação de serviços. Além do seu prédio central, a ACSP dispõe de 15 Sedes Distritais, que mantêm os associados informados sobre assuntos do seu interesse, promovem palestras e buscam soluções para os problemas de cada região.

Por Patrícia Gomes Baptista