Telefonia móvel é um recurso importante para as empresas, e com ela, a equipe pode se comunicar de forma rápida e eficiente. Mas, apesar da praticidade, o uso de celulares corporativos exige alguns cuidados, especialmente em relação à segurança.

Nesses aparelhos, geralmente são trocadas informações da empresa e dos clientes que são confidenciais e precisam ser protegidas. Aplicativos falsos e invasões de hackers, por exemplo, podem expor e-mails, listas de contatos e até planos de negócios, o que pode gerar grandes transtornos para o empreendedor.

A seguir, separamos dicas valiosas para que o seu smartphone corporativo fique sempre seguro. Confira!

1) Mantenha o aparelho atualizado

Engana-se quem pensa que sistemas defasados prejudicam apenas o desempenho de um aparelho. Manter a versão mais recente do sistema operacional é importante, também, para se proteger de infecções e invasões.

2) Não baixe aplicativos de fontes desconhecidas

Alguns aplicativos podem representar risco para o seu smartphone. Se você precisa baixar algum fora da sua loja oficial, lembre-se de pesquisar sobre a segurança e confiabilidade do app.

3) Tenha sempre uma solução de segurança instalada

Muita gente acha que apenas os computadores precisam de um antivírus, mas quando falamos em um smartphone corporativo, ele é ainda mais necessário. Certifique-se sempre de que o seu celular tenha um aplicativo que faça varreduras regulares, e principalmente, que esse aplicativo também esteja atualizado, para trabalhar corretamente.

Outro cuidado importante é garantir um backup seguro e um bom sistema anti-roubo. Assim, em caso de extravio, a empresa pode bloquear o celular e impedir que os dados salvos cheguem ao conhecimento de terceiros.

4) Cuidado com as senhas

Esta questão parece simples, mas ainda é a causa de grande parte dos problemas relacionados à segurança de telefones corporativos: senhas fracas. Se não for bem gerenciado, esse dado pode até pôr em risco a propriedade intelectual da empresa, já que os dados podem ser acessados por qualquer pessoa mal intencionada.

Lembre-se sempre de criar senhas fortes, e trocá-las com alguma frequência. Datas de aniversário de parentes próximos ou sequências numéricas simples são senhas muito comuns, portanto, evite-as.

Se possível, também adote uma boa política de autenticação, como a criação de acessos em dois passos (número do celular + senha para acessar um e-mail, por exemplo).

5) Analise o histórico de consumo da sua linha

Analisar as ligações e uso do pacote de internet do seu celular é fundamental. Assim, você confere se todas as informações do seu histórico condizem com o que realmente foi usado por você e garante que o seu smartphone não tenha sido utilizado por outros.

A ACSP tem um serviço que oferece ao empresário e seus funcionários total controle do uso das linhas. Conheça!

 

Você chega mais longe com o apoio das pessoas certas.
A ACSP é uma comunidade de empreendedores, venha fazer parte!

 

Por ACSP