Ativando o empreendedorismo: qual é a importância dos grupos de negócios?

A rotina de um empresário envolve interação com muitas pessoas: fornecedores, investidores, clientes, funcionários e até concorrentes. Manter essas interações é, também, uma forma de descobrir as novidades do mercado e estabelecer parcerias que podem contribuir para o sucesso de qualquer negócio.

 

No entanto, para alguns empresários é um grande desafio ampliar e fortalecer sua rede de contatos. Pensando nisso, preparamos este conteúdo especialmente para mostrar ações em que você pode investir para criar relacionamentos e grupos de negócios. Confira, a seguir, algumas dicas práticas:

 

Ajude antes de ser ajudado

A palavra-chave para firmar parcerias e formar grupos de negócios é colaboração. Sendo assim, uma regra essencial do networking verdadeiro é estar disposto a ajudar as pessoas.

 

Lembre-se sempre que os melhores relacionamentos são aqueles desenvolvidos com base na honestidade, ética e generosidade. Ao contribuir, você facilita a vida dos seus contatos e ativa a reciprocidade.

 

Em  outras palavras, você faz com que a outra pessoa se sinta devedora por um favor ou uma gentileza que você tenha feito a ela. Assim, quando surgir uma oportunidade, diante de uma necessidade, eles se sentirão dispostos a retribuir.

 

Na prática, você pode ajudar colegas empreendedores de diversas formas: indicando seus serviços aos seus clientes, recomendando bons fornecedores, convidando para eventos que possam ser interessantes para o seu mercado de atuação e muito mais.

 

Explore o LinkedIn

Muitos empresários ainda não se sentem familiarizados com a ideia de criar relacionamentos na internet. Mesmo assim, é importante lembrar que no ambiente virtual as chances de encontrar bons contatos e iniciativas que podem agregar ao seu negócio são muito maiores.

 

Nesse sentido, o LinkedIn pode ser um grande aliado. Hoje, a maior rede social profissional do mundo também já é considerada a mais poderosa ferramenta para fazer networking online. Isso torna o LinkedIn interessante para empreendedores que queiram divulgar sua marca e se relacionar com outros profissionais.

 

Se você ainda não explora esse recurso, o primeiro passo é criar um perfil contando um pouco sobre você e sua empresa. A partir daí, você tem acesso a perfis de profissionais do mundo inteiro.

 

Mas, atenção: fazer um perfil e abandoná-lo não irá trazer novos contatos. Para que a rede social atenda aos seus objetivos, é muito importante que você mantenha o seu perfil atualizado e ativo. Para isso, você pode compartilhar conteúdos interessantes sobre a sua rotina profissional e seu mercado de atuação, além de interagir nas publicações de pessoas que compõem a sua rede.

 

Prepare sua abordagem

Há pessoas que não se sentem seguras quando precisam falar com estranhos, e isso é mais comum do que se imagina. Se você se identifica com esse perfil, saiba que uma das formas mais eficientes de afastar esse sentimento é fazer uma preparação de como será a abordagem e quais assuntos você irá tratar com uma pessoa.

 

Uma dica é pesquisar o perfil dos profissionais que você vai encontrar e levantar assuntos relacionados ao que eles fazem. Se preferir, você também pode identificar afinidades e pontos em comum no perfil de vocês para explorar no primeiro contato.

 

Além disso, fique de olho para não causar uma má impressão na abordagem inicial. Faça perguntas alinhadas com o que você precisa saber daquele profissional e não seja insistente, invasivo ou inconveniente. De modo resumido, procure formas de se fazer interessante e ser lembrado depois que for embora. Este é o primeiro passo para a construção de um novo relacionamento.

 

Praticar o networking nem sempre é fácil: a timidez ou o envolvimento com as atividades do dia a dia são alguns dos grandes empecilhos para construir relacionamentos. No entanto, olhar para esse compromisso com mais cuidado e se dedicar a ele é uma saída para gerar parcerias e fortalecer os negócios.

 

Aliás, em um momento de crise econômica, como a que estamos vivendo, uma boa rede de contatos tem um papel ainda mais importante, pois pode ser uma boa saída para gerar novos negócios.

 

O que achou das dicas? Esperamos que, de alguma forma, elas possam te ajudar a interagir com mais facilidade e conseguir melhores resultados para a sua empresa.

 

Se você ainda não faz parte de um grupo de negócios e quer ampliar sua rede de contatos, faça parte da comunidade de empreendedores da ACSP e participe das nossas atividades para conhecer mais empresários como você! Clique aqui e conheça as vantagens de se tornar um associado.


Por ACSP