Sempre que se deparam com problemas de produtividade na equipe, empresários e gestores precisam entender os motivos que levam a essa situação para, depois, resolvê-la. Normalmente, quando o time não está performando bem, a procrastinação pode estar presente na rotina dos colaboradores.

Procrastinar é o ato de adiar a realização de tarefas importantes para fazer outras mais prazerosas ou, simplesmente, fazer absolutamente nada. Esse é um hábito difícil de se eliminar, afinal, a busca por satisfação (e atividades mais “legais”) é parte da natureza humana. Mesmo assim, é possível adotar algumas ações para evitar essa prática e tornar o expediente dos seus funcionários mais produtivo.

Observação

O primeiro passo para tornar a sua equipe mais produtiva é observar o desempenho de cada indivíduo. Pessoas procrastinadoras costumam inventar muitas desculpas para não realizar as tarefas necessárias e entregam poucos resultados. Verifique se há algum funcionário com esse perfil e, para amensurar o volume e qualidade das atividades desenvolvidas por ele mais facilmente, você pode criar indicadores de performance ou metas.

Conversa e estímulo

A maior parte dos problemas pode ser resolvida por meio do diálogo. Depois de observar o comportamento da equipe e identificar sinais de improdutividade, é válido chamá-la para uma conversa e dar instruções para que todos possam melhorar o desempenho. Nesse momento, é importante transmitir confiança, mostrar-se disposto a ouví-los e deixar claro quais são as melhorias que você gostaria de ver.

Desperte o interesse dos funcionários

Se as pessoas adiam a realização de tarefas porque não sentem satisfação em fazê-las, o líder precisa contribuir para que o trabalho pareça mais interessante. Quer um exemplo?

Você, gestor, precisa que o seu funcionário produza um relatório com informações sobre as conquistas do mês, e estabelece um prazo de dois dias para o envio do material. Se o colaborador não enxergar essa tarefa como algo tão importante, pode perder o prazer em executá-la e deixar para entregar de última hora. Se houver algum imprevisto, talvez você nem receba o pedido na data estabelecida.

Essa “geração de urgência” pode acontecer com qualquer atividade, das mais simples às mais complexas, e atrapalhar o andamento de processos que envolvem toda a equipe. Quando delegar uma tarefa, lembre-se de enfatizar ao colaborador a importância daquele trabalho. Mais do que pedir para que ele faça o relatório, explique como o arquivo vai ajudar a empresa naquele período. Assim, ele vai entender que não está fazendo um trabalho por fazer, mas que aquilo tem grande importância para o desenvolvimento do negócio.

Treinamentos

Treinamentos são recursos interessantes para melhorar o desempenho de equipes. Que tal promover um sobre produtividade na sua empresa? Essa iniciativa pode mostrar aos funcionários como organizar melhor as atividades, definir prioridades e técnicas de concentração interessantes para procrastinar menos. Se contratar um profissional para essa ação for inviável para você, a internet oferece diversos conteúdos de qualidade sobre o assunto, e você pode compartilhar os mais legais com o pessoal.

Dê feedbacks

Se você identificou um ou mais profissionais improdutivos, já chamou para conversar e não sentiu melhora nos resultados, convide-o mais uma vez para falar sobre o assunto. Muitos gestores apressam-se em demitir profissionais e não dão chances para que os colaboradores exponham o seu ponto de vista, dificuldades e outras questões importantes. Algumas vezes, a improdutividade é reflexo de problemas de saúde e bem-estar, e nesses casos, é importante que a empresa ofereça os recursos necessários para que o funcionário possa se cuidar. Conheça o AC+Saúde, uma alternativa as empresas que desejam cuidar da saúde dos funcionários e seus dependentes com preços mais acessíveis que os disponíveis no mercado.

Não favoreça a improdutividade

Se depois de sucessivos feedbacks a situação não melhorar, aí sim é hora de considerar um desligamento. Essa é uma medida importante para não prejudicar os demais, pois, ao manter na equipe um funcionário que procrastina muito e não apresenta resultados tão eficientes, você favorece os profissionais improdutivos e desanima os bons.

Gostou das dicas? Acha que a sua equipe pode entregar melhores resultados? Então, comece agora a observar o desempenho e, se necessário, coloque essas instruções em prática!

 

Você chega mais longe com o apoio das pessoas certas.
A ACSP é uma comunidade de empreendedores, venha fazer parte!

 

Por ACSP