Diariamente, podemos enfrentar situações que despertam ansiedade, afinal, ela é uma emoção normal do ser humano. Antes de tomar decisões difíceis, passar por um momento de tensão ou enfrentar algum problema no trabalho, por exemplo, é natural que qualquer um fique preocupado e momentaneamente ansioso.

Mas, para algumas pessoas, a ansiedade toma proporções muito maiores e pode se tornar uma doença. E o problema é bastante comum. Em 2018, a Organização Mundial da Saúde (OMS) divulgou um relatório com dados alarmantes, especialmente para os brasileiros: o nosso país é o campeão mundial no índice de ansiedade, que atinge mais de 9% da população. As mulheres são as mais afetadas: 7,7% delas são ansiosas, enquanto 3,6% do público masculino manifestam o quadro.

Em outras publicações, temos falado sobre a importância de um bom ambiente de trabalho para a manutenção da saúde e bem-estar dos profissionais. Também explicamos como as empresas que priorizam essa questão podem evitar uma série de problemas para os colaboradores, entre eles, a ansiedade.

Pensando nisso, destacamos alguns pontos que podem ser trabalhados pelos gestores. Se bem executadas, essas medidas simples podem tornar a equipe menos ansiosa, mais segura e, consequentemente, mais produtiva e motivada. Ficou interessado? Então, continue a leitura.

Eliminando urgências

Segundo o especialista em gestão do tempo e produtividade Christian Barbosa, as atividades do nosso dia a dia podem ser divididas em três categorias: importantes, urgentes e circunstanciais (aquelas que “roubam” o nosso tempo sem trazer qualquer retorno e que, por isso, devem ser combatidas, como a procrastinação). Ele chama essa classificação de Tríade do Tempo, e defende que devemos organizar as tarefas para evitar urgências na rotina. Assim, precisamos correr menos e, consequentemente, ficamos menos ansiosos. E como é possível evitar urgências na sua equipe?

É claro que algumas tarefas realmente aparecem de forma inesperada com prazos curtos de entrega, e precisamos lidar com elas. No entanto, muitas atividades se tornam urgentes porque foram deixadas para a última hora, e com o surgimento de algum imprevisto, a execução não foi concluída quando (ou com a qualidade) devida.

Para evitar que isso aconteça, estimule os seus funcionários a adiantarem atividades sempre que possível, mesmo que o prazo para conclusão pareça muito distante. Explique que, ao longo do tempo, esse hábito pode diminuir a sensação de sobrecarga e deixar a rotina mais leve e organizada.

Metas reais

No ano passado, um estudo feito nos Estados Unidos pela empresa de recolocação Yoh e pela companhia de pesquisa Harris buscou conhecer as questões que incomodavam os profissionais a ponto de fazê-los pedirem demissão. Foram ouvidas mil pessoas empregadas em tempo integral ou parcial, e 46% apontaram “sobrecarregar a equipe” como um erro grave cometido pelos gestores. 42% disseram que “ter expectativas pouco realistas sobre os funcionários” também é um comportamento motivador para deixar o emprego, mesmo que o trabalho atual tenha pontos positivos.

Conseguiu perceber como o excesso de tarefas ou demandas que não condizem com as competências do funcionário podem ser prejudiciais para ele? Essas situações também podem desencadear ansiedade e estresse, e mais uma vez, as atitudes do gestor têm um papel muito importante para preveni-las.

Delegar atividades e estabelecer um bom relacionamento com os funcionários são habilidades imprescindíveis para um bom líder. Fique atento à divisão de tarefas entre o time a fim de evitar que, por exemplo, haja ociosidade para alguns e sobrecarga para outros. Acima de tudo, mostre-se sempre disponível para ouvir os seus colaboradores e flexível para implantar melhorias sempre que necessário e dentro da realidade da empresa, deixando claro que, para você, é muito importante que eles se sintam bem durante e após o expediente.

Lembre-se: mais do que força de trabalho, os seus funcionários são pessoas que merecem qualidade de vida; e a empresa, onde eles passam grande parte do seu tempo, tem uma grande responsabilidade nesse sentido.

Se você se preocupa com a sua equipe e acredita que cuidar do seu colaborador dá retorno, que tal conhecer o AC+Saúde? Mais barato que os planos de saúde empresariais disponíveis no mercado, ele permite que os seus funcionários e dependentes tenham acesso a uma rede de credenciada de qualidade para fazer exames médicos e consultas a preços mais acessíveis. Clique aqui e saiba mais!

 

Você chega mais longe com o apoio das pessoas certas.
A ACSP é uma comunidade de empreendedores, venha fazer parte!

 

 

Por ACSP