01. FAÇA ANÁLISE DE CRÉDITO DE TODOS OS CLIENTES

A primeira dica, e a mais importante delas, trata-se exatamente da análise de crédito do cliente, que é realizada a partir de consultas feitas pelo comerciante utilizando as ferramentas disponibilizadas pelo SCPC. Este é o principal recurso preventivo para evitar problemas com inadimplentes. Seja transparente e avise o cliente de que fará uma análise de crédito antes de fechar a venda. Esse procedimento é bastante comum e não deixará o cliente constrangido.

OBS. Se a análise de crédito for positiva, maravilha. Você pode efetuar a venda ciente de que está vendendo para um bom comprador, e de que provavelmente será pago. Mas como existe uma primeira vez para tudo, as dicas a seguir reúnem outros procedimentos que você pode usar para minimizar ainda mais o risco de inadimplência.

Agora, se a análise de crédito no SCPC der negativa, pule direto para a dica número 7!

02. PEÇA TAMBÉM REFERÊNCIAS AOS CLIENTES

Para complementar a análise de crédito, é importante -- e aumenta a cumplicidade com o cliente -- que você peça referências a ele, sejam elas pessoais, comerciais ou bancárias. Atenção: apenas essa medida não resolve o problema. Fraudadores profissionais podem instruir comparsas a darem as respostas que o comerciante gostaria de ouvir ao checar as referências.

03. PREFIRA PAGAMENTOS COM CARTÕES

Quando possível, priorize como forma de pagamento o cartão de crédito ou débito. Apesar de incidir uma taxa sobre o preço do produto ou serviço, o motivo é simples: caso o cliente se torne inadimplente, a dívida será um problema para a administradora do cartão resolver.

04. EMITA NOTA FISCAL SEMPRE

Emitir a Nota Fiscal de venda dos produtos é fundamental para comprovar que aquela venda foi efetivada. Além disso, não emitir Nota Fiscal é ilegal para o estabelecimento.

05. FAÇA CONTRATO PARA VENDAS GRANDES

Em especial nas grandes transações, quando no caso da inadimplência o tombo é muito maior e a necessidade de buscar uma solução judicialmente é inevitável, redija e firme um contrato com o comprador definindo algum tipo de garantia e os termos de cobrança de multa caso os prazos de pagamento não sejam respeitados.

06. CRÉDITO MAIOR DEPENDE DE RELACIONAMENTO

Desenvolva o relacionamento e espere o cliente mostrar que é, de fato, um bom pagador antes de abrir uma linha de crédito para ele.

07. NÃO CORRA RISCOS. NÃO VENDA

Se a análise de crédito feita junto ao SCPC der negativa, a chance de você não receber aumenta significativamente. Para não correr riscos, não venda!!!


LEIA TAMBÉM: COMO OFERECER RÉDITO PARA SEUS CLIENTES
..::..

O SCPC GARANTE A SEGURANÇA DAS SUAS VENDAS

O SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito), produto da Boa Vista Serviços comercializado pela Associação Comercial de São Paulo, oferece, planos de análise e verificação de crédito de pessoas físicas e jurídicas.

O principal objetivo do SCPC é garantir ao empreendedor que ele venda e conceda crédito aos clientes (Pessoa Física ou Pessoa Jurídica) com segurança, evitando inadimplência.

O plano “Família Acerta” (Acerta, Acerta Essencial e Acerta Completo) é um produto focado na verificação de crédito de pessoas físicas. Conheça abaixo as ferramentas oferecidas pela “Família Acerta”:

> Avaliação de risco (SCORE): trata-se da probabilidade de inadimplência do consultado nos próximos 6 ou 12 meses (dependendo da escolha do cliente). O Score pode ser considerado um diferencial do SCPC, pois os clientes Serasa precisam pagar a mais para obter esta informação.

> Dados cadastrais: Nome, endereço, CPF, etc.

> Dados restritivos: Dívidas pendentes e títulos protestados.

> Dados comportamentais: Como o consultado se comporta no mercado (como paga, se deixa de pagar parcelas, etc).

> Renda estimada: Com base nas contas pagas pelo consultado (telefone, luz, etc), o SCPC estima qual é a renda total daquela pessoa.

> Dados de localização: Quais endereços foram fornecidos para o mercado como sendo do consultado.

> Sugestão aprova/ não aprova a venda: Com base nos dados fornecidos, a ferramenta entende se o usuário deve ou não conceder crédito ao consultado.

> Indicação de limite de parcela: O SCPC indica a capacidade de pagamento do consultado.

> Ações cíveis: Caso o consultado tenha ações vinculadas a seu nome, o SCPC exibe o valor da ação, cidade, autor, etc.

> Participação em empresas: Indica se o CPF está vinculado a alguma empresa.

Consultas SCPC

Pacotes sob medida para sua empresa



Quem somos

A Associação Comercial de São Paulo é uma instituição sem fins lucrativos que há mais de 100 anos se propõe a apoiar e promover as iniciativas empresariais e o empreendedorismo.

Trabalhamos em prol de empresas e empresários que almejam manter competitividade e sustentabilidade em um ambiente de negócios realizador que promove e engaja mudanças positivas. 

Nós atuamos em benefício de nossos associados em intermediações comerciais com parceiros para oferecer produtos, serviços e soluções com melhores condições e custos menores. 

Amplie suas chances de crescer fazendo parte de nossa comunidade. 
COM A ACSP VOCÊ CHEGA MAIS LONGE. Faça Parte!
 

 

Por ACSP